Close

Danilo Almeida

Digital Expert

[headlines title="" lines="Consultoria de Marketing Digital, Planejamento de Mídia, Gestão de Campanhas"]

Busca Orgânica

Como criar uma Web melhor para todos

A maioria dos criadores de conteúdo on-line usa a publicidade como fonte de financiamento. Ou seja, os anúncios que são exibidos nos sites deles precisam ser atrativos, úteis e envolventes para que as pessoas realmente tenham vontade de vê-los e interagir com eles. No entanto, a realidade é que muitas vezes as pessoas encontram anúncios intrusivos e irritantes na Web. Por exemplo, aqueles que tocam música a todo volume de repente ou que obrigam você a aguardar 10 segundos antes que seja possível ver o conteúdo da página. Por causa dessas experiências desagradáveis, algumas pessoas acabam bloqueando todos os anúncios. Isso tem um grande impacto sobre os criadores de conteúdo e de vídeos, jornalistas e desenvolvedores da Web que dependem dos anúncios para financiar a criação do conteúdo.
Acreditamos que os anúncios on-line deveriam ser melhores. Por isso, nos juntamos à Coalition for Better Ads (Coligação para anúncios melhores, em inglês), um grupo do setor dedicado à melhoria dos anúncios on-line. Recentemente, o grupo anunciou os Padrões para anúncios melhores, que oferecem diretrizes claras, públicas e baseadas em dados sobre como o setor pode melhorar os anúncios para os consumidores. Hoje, gostaríamos de compartilhar como planejamos apoiar essa iniciativa.
Novas ferramentas para editores
O novo relatório de experiência do anúncio ajuda editores a compreender como os Padrões para anúncios melhores se aplicam aos websites deles. Ele oferece capturas de tela e vídeos de experiências desagradáveis com anúncios que identificamos para facilitar e corrigir esses problemas.


Sempre colocamos nossos usuários em primeiro lugar e apoiamos os esforços e padrões da Coalition for Better Ads. Os vídeos e as capturas de telas do relatório são incrivelmente úteis e tornam a pesquisa da Coalition acessível para nossas equipes. O nível de detalhamento e transparência oferecido pelo Google é impressionante, e recomendamos essa iniciativa.” – Troy Young, presidente, Hearst Digital Media
Como parte dos nossos esforços para manter a Web sustentável para todos, queremos ajudar os editores com boas experiências do anúncio a receber pelo trabalho deles. Com as opções de financiamento, agora em versão Beta, os editores podem exibir uma mensagem personalizada aos visitantes que usam um bloqueador de anúncios, convidando-os a ativar anúncios no site ou a pagar por um passe que remove todos os anúncios naquele site por meio do novo Google Contributor.
“Nos últimos anos, percebemos que o aumento dos bloqueadores de anúncios teve um impacto negativo na receita potencial em todas as nossas propriedades, principalmente na Europa. As opções de financiamento permitem que possamos conversar com os visitantes que usam bloqueadores de anúncios sobre como nossos negócios funcionam e oferecer a eles a escolha de nos colocar na lista de permissões ou contribuir com a nossa publicação. Descobrimos que as pessoas, em geral, estão abertas a nos colocar na lista de permissões quando entendem como o conteúdo é criado.” – Marc Boswell, vice-presidente sênior de Operações de vendas e Serviços ao cliente, Business Insider
As opções de financiamento estão disponíveis para editores nos seguintes lugares: Alemanha, Austrália, Canadá, Estados Unidos, Nova Zelândia e Reino Unido. Faremos o lançamento gradual em outros países no final deste ano. Os editores devem acessar nosso novo guia de práticas recomendadas para dicas sobre a criação da mensagem certa para o público deles.
O Chrome é compatível com os Padrões para anúncios melhores
O Chrome sempre se preocupou em oferecer a você a melhor experiência possível ao navegar na Web. Por exemplo, ele impede pop-ups em novas guias, pois são desagradáveis. Em conjunto com a Coalition e outros grupos do setor, planejamos fazer com que o Chrome pare de exibir anúncios (inclusive aqueles veiculados pelo Google) em websites que não estiverem em conformidade com os Padrões para anúncios melhores, a partir do início de 2018.
“Nós apoiamos essa abordagem. Encontrar uma forma de implementar um padrão que nós apoiamos é algo que faz sentido. É um passo em direção à redução da taxa de bloqueios de anúncios, que é substancial na Alemanha. Como um editor premium, a F.A.Z. se preocupa com a qualidade e não usa formatos identificados como desagradáveis para os usuários pela Coalition for Better Ads. Não podemos nos esquecer de que o usuário é quem está no foco dessa iniciativa. Os dados em que esse padrão se baseia vêm diretamente dos usuários, que terão maior controle sobre as experiências com os anúncios.” – Thomas Schultz-Homberg, Diretor digital, FAZ
Disponibilidade O relatório de experiência do anúncio e o suporte do Google Chrome serão aplicados a websites que tem a maior parte de seu tráfego originada de regiões afetadas pelos Padrões para anúncios melhores. Hoje, os Padrões para Anúncios Melhores se aplicam para usuários da América do Norte (Estados Unidos e Canadá) e Europa. Nós recomendamos que websites de todas as regiões avaliem a origem de seu tráfego para compreender se os padrões se aplicam a seu website. Saiba mais.
No futuro
Acreditamos que essas mudanças garantirão que todos os criadores de conteúdo, sejam grandes ou pequenos, possam continuar a ter uma forma sustentável de financiar o trabalho deles com a publicidade on-line.


“Nosso setor como um todo tem a responsabilidade de melhorar a qualidade da publicidade on-line. Por isso, o IAB Europa apoia a Coalition for Better Ads (Coligação para anúncios melhores, em inglês) e os padrões iniciais de anúncios para a Europa publicados pela Coalition em março.  Criar ferramentas para incentivar a adoção desses padrões pelo mercado é um avanço positivo no processo de oferecer uma nova experiência aos nossos usuários, que estão cada vez mais sofisticados e exigentes”. – Townsend Feehan, CEO do IAB Europa



Estamos ansiosos para trabalhar junto com a Coalition no desenvolvimento de diretrizes de mercado que darão suporte aos Padrões para anúncios melhores. Também estamos empenhados em trabalhar em conjunto com todo o setor, incluindo grupos como IAB, IAB Europe, DCN, WFA, ANA, 4A’s, anunciantes, agências e editores, a fim de lançar essas alterações de uma forma que faça sentido para os usuários e para o ecossistema mais abrangente de anúncios.
Postado por Sridhar Ramaswamy, vice-presidente sênior de Anúncios e Comércio

Veja mais em adwords-br.blogspot.com

Read More